A importância de sorrir para seu cliente.

Por que sorrir enquanto conversa pessoalmente com seu cliente pode ser essencial para você abrir a conta e trazer mais recursos?  

 

A resposta são os neurônios-espelho. Eles nos permitem enviar e receber boas vibrações de outras pessoas, por exemplo, refletindo os sorrisos de uma pessoa para a outra.  

 

Quando seu cliente observar seu sorriso, ele não terá como evitar. Os neurônios-espelho vão disparar imediatamente um comportamento similar e mentalmente, sem que ele perceba, o fará simular essa ação deixando-o mais feliz naquele momento.   

 

Por termos neurônios-espelho, diversos estudos mostram que sorrir é, de certo modo, neurologicamente contagioso e também os bons sentimentos associados a ele. Isso não significa nem mesmo que você contou uma piada, simplesmente sorriu. 

 

A conta estará mais perto de ser aberta.

 

Sorrir vai melhorar o humor do cliente mesmo que ele não entenda o porquê. Apenas o simples ato de sorrir vai desencadear uma onda de atividade neurológica positiva. Você pode contar com a redução do estresse, um clima novo e bom para fechar a captação. 

 

As interações sociais provocam uma ampla gama de emoções. Um dos componentes mais importantes do nosso relacionamento interpessoal é a empatia - a capacidade de entender e sentir o que outra pessoa está experimentando.  

 

Como seres sociais-dinâmicos, a capacidade de espelhar as emoções de outras pessoas está incorporada ao nosso cérebro. Os neurônios-espelho são ativados quando você vê alguém sorrindo e são cruciais para desenvolver a empatia com seu cliente.

 

“Sorria para o cliente

e o cliente vai sorrir para você"

 

O contrário também é verdade. O psicólogo Paul Ekman descobriu isso na década de 1980. Quando ele estudava rostos que sinalizavam tristeza e angústia se sentia péssimo depois. Expressões tristes haviam mudado seu sistema nervoso, como se ele mesmo estivesse realmente triste.  

 

Se algo difícil acontecer com você em um dia de reunião presencial com o cliente, pode ser recomendável adiar o encontro. Seu estado de ânimo irá provavelmente dificultar os neurônios-espelho de trabalharem a seu favor.   

 

Para finalizar. Sorrisos geralmente resultam da felicidade. Mas o oposto também é verdadeiro. O ato de sorrir aumenta a quantidade de dopamina no corpo e por consequência nosso sentimento de felicidade. O cliente irá se sentir mais feliz naquele momento involuntariamente mesmo que temporariamente/artificialmente. Assim, você deixará uma marca positiva na memória dele, o que vai ajudar em negócios futuros. 

Leandro Strasser, CFP®

Mestre em economia

(11) 93287-5441

leandro.strasser@finacap.com.br